27.3.14

"A VERDADE"


a união faz a força!

uma das frases mais cliches que temos
mas parece ser uma frase bem verdadeira
talvez seja assim mesmo
a verdade é clara
facil de entender
mas é necessário coloca-la em pratica para que ela se sustente
e não se reduza a uma frase vazia, usada para efeitos publicitários

peter brook, nosso grande diretor de teatro contemporâneo
em uma de suas peças disse
“existe a minha verdade, existe a sua verdade, existe a verdade”

a união faz a força, é uma verdade
mas só nos encontramos com essa verdade quando ela é a nossa verdade
não conseguimos percorrer esse caminho com a verdade alheia
a verdade do outro, por mais que eu confie no outro, não servirá como minha verdade
adotando a verdade do outro eu não terei a alegria de me encontrar com “a verdade”

uma verdade se sustenta pela pratica
não se morre por uma verdade
não se luta por ela
não se cria movimentos para fortalecer nossa verdade
não é preciso nos tornamos ativistas de uma verdade

vive-se a verdade

não de modo cego e dogmático,
quando uma verdade se apresenta
colocamos na fogueira
vemos o quanto ela resiste
passamos a vida colocando-a em provas
enquanto ela resistir, continuamos alimentando-a
mas sempre colocando-a em prova

a verdade resiste quando não há contradição
quando a ação, o desejo, o pensamento, o olhar para vida
estão alinhados com a verdade de cada um

toda verdade é cheia de paradoxos
mas não há contradição

comecei esse texto achando que iria falar sobre como a união faz a força
porque vivi essa experiencia
encontrei-me com alguem que sustenta uma verdade diferente da minha verdade
e como ambas somos legitimas em nossas verdades
pois praticamos, agimos, pensamos e sentimos alinhadas as nossas verdades
nosso antagonismo nos alimentou

nos unimos, com nossas diferentes verdades
nos encontramos com “a verdade”
chegamos a lugares que não alcançaríamos sozinhas

não é preciso a igualdade para nos aliarmos para a construção de uma vida potente
é na diferença que a vida se compõe
talvez a frase deva ser atualizada para
“a união das diferenças faz a força”

foi nesse universo micro que senti a possibilidade de viver em paz com a diferença
e quando algo acontece no micro cria-se a realidade do macro
eu volto para contar a experiência de viver nesse mundo novo 




5 comentários:

Leila Garcia disse...

Como diz a grande Vandana Shiva, "a forma da natureza é a diversidade". Nada que tem uma forma única, um único padrão, pode se sustentar de forma saudável para si e para o entorno. Bom demias ler o seu post, Ana! Renova a minha confiança na construção de um caminho que possa ser realmente novo! Sem repetir, às avessas, o caminho da Verdade Única!
Grata e muitas, muitas saudades! bjs Leila

Nine disse...

Nossa, que texto maravilhoso! Você consegue colocar coisas tão difíceis de maneira tão simples e clara! Mais texto para leitura e reflexão! Obrigada por compartilhar suas reflexões! Grande beijo! Nine

Ju Nunes disse...

Que lindo Ana! Não pude estar com vocês nesse encontro mas imagino e sinto as faíscas de luz que saíram daí... só coisa boa!
Obrigada por compartilhar!
Abraços!

Carolina Frîncu disse...

Ana!! Texto tão oportuno. Ó, vc e eu mesmo somos tão diferentes em nossas crenças, naquilo que é nossa base. Mas como foi importante e produtivo estar com vc naqueles poucos dias! como meu corpo e minha potência foram beneficiados. A maior prova no momento - prova palpável, porque há outras - é meu filhote, a forma linda como ele chegou a este mundo. A construção começou tão antes dele sequer me habitar... Gratidão eterna por vc ter contribuído. Obrigada!

AngeloMundy disse...

Ana, você conhece a história do Rumi? Esse encontro que você mencionou remete ao encontro dele com o Shams de Tabriz... O Rumi fica completamente transformado e toda a obra dele fica voltada para o relato dessa experiência...